Eu morro de vontade de saber em que as pessoas pensam nessa hora. Já vou adiantando, eu não penso em nada.

 

   Se bem que eu não penso em nada na maior parte do tempo. Tanto é que essa é a pergunta que eu mais escuto do meu chefe: “você está pensando o que, hein, rapaz?”

 

   O lance é que todo mundo que eu vejo correndo está com cara de que está pensando em alguma coisa superinteressante. Não sei o que. Morro de vontade de saber.

 

   Primeira coisa, não vale generalizar e dizer que os homens pensam nas pernas das mulheres que estão correndo de shortinho. Homem só pensa nisso. Ou melhor, naquilo. Correndo, andando, parado ou fazendo cirurgia cerebral. E mais, pensamos nelas quando elas estão de shortinho, shortão, agasalho, enfim, com qualquer peça do guarda roupa e principalmente quando estão sem nenhuma delas.   Também não vale dizer que as mulheres pensam em quantas calorias estão perdendo ou ganhando (é, na mente de uma mulher é possível qualquer coisa, inclusive correr e ganhar calorias). Afinal de contas, mulher só pensa em calorias. Quando inventarem o cartão de crédito calórico, os bancos vão ter ainda mais lucro. Já imaginou? Você come um brownie com sorvete mas só tem que “pagar” no mês seguinte. Cartão de crédito e gerenciamento de calorias. As mulheres iam dar tudo por algo assim. Eu vou virar agiota. Já pensou? “Ou a senhorita me “paga” agora as calorias que me deve ou vamos ter que dar um jeito nesse seu culote.” rarararararara.

 

   Tem outra coisa, ninguém pensa em técnica de corrida. Ninguém. Nem o Paul Tergat, recordista mundial da maratona. Primeiro, ele faz sem pensar. E mais, se pensasse nisso, teria pensado na Olimpíada e teria ganho, não chegado em 10º. E se ele não pensa, não me venha dizer que você, que nem queniano é, pensa.

 

   Recapitulando: Homem pensa em mulher. Mas não conta. Homem só pensa nisso. Mulher pensa em caloria. Também não conta. Mulher só pensa nisso.

 

   Ninguém pensa em técnica, nem em trabalho. Afinal, toda a idéia de acordar cedo e ir para o parque correr é esquecer do trabalho, correto? Então se você falar que pensa no trabalho, não vai pegar muito bem para sua imagem. Já imaginou? “Tô querendo esquecer um pouco do trabalho então vou começar a acordar às seis horas da manhã, pegar o carro, aparecer na frente de um monte de gente com remela nos olhos, correr bastante e durante a corrida pensar no trabalho.” É, acho melhor não rolar. Não seria inteligente.

 

   A menos que você seja o cara que está fazendo a cirurgia cerebral lá no início do texto. Mas aí, segundo minha teoria, você também não está pensando em trabalho, está pensando em mulher. Enfim, não sei no que as pessoas pensam quando estão correndo. Quero saber. Então, envie seu pensamento para ricardo@personallife.com.br. Envie quantos quiser. Aliás, quanto mais você enviar, melhor.

 

   Aposto que o Ricardo também está morrendo de vontade de saber o que você pensa quando corre. Sério. Você vai ver. Assim que der pau no computador dele, de tanto e-mail que ele recebeu, vai responder para todo mundo: “porra, vocês estão pensando o que,”? rararararara. Já sei meu treino de quarta: vinte tiros para morte. Só pode parar quando morrer. rarararararara.

 

Fábio Brandão

EM  QUE  VOCÊ  PENSA  QUANDO  ESTÁ  CORRENDO ?

CORRIDA - SAÚDE - TRIATHLON - CAMINHADA - MUSCULAÇÃO - TREINAMENTO FUNCIONAL - HEALTH COACH - PERSONAL TRAINNING - QUALIDADE DE VIDA

Proudly created by Fita Baesa - 2015  ©